Horário de funcionamento
Segunda à Sexta-Feira:
De 08h às 18h

Endereço
Rua Popular, Nº 10 - Bairro São Cristóvão Belo Horizonte/MG - CEP: 31230-760

contato@raia1piscinas.com.br
(31) 3421-7619
(31) 9.9433-2880 (Whatsapp)

Medir e corrigir a alcalinidade da piscina

Medir e corrigir a alcalinidade da piscina 

Como medir e corrigir a alcalinidade da piscina! Falamos bastante a algum tempo atrás a respeito da importância do controle do pH da piscina. Vimos que o tratamento da piscina vira um caos quando não se dá a devida atenção ao pH da piscina.

Hoje vamos falar sobre a importância da alcalinidade da piscina, um outro parâmetro que tem papel principal na qualidade da água. Não é difícil encontrar, inclusive entre os aventureiros que trabalham com limpeza de piscinas, pessoas que não sabem o que significa o termo “Alcalinidade da piscina“. Nós da Raia 1 Piscinas vamos dar a aula então…

O que é alcalinidade da piscina
alcalinidade total da piscinaDepois de entender o que é o pH da piscina, a alcalinidade é a coisa mais importante para realizar com tranquilidade o tratamento de qualquer piscina. Alcalinidade é uma grandeza que mede a capacidade de neutralizar ácidos de uma piscina, ou a capacidade de se manter neutra. Continua complicado?

Vamos lá… Para entender o que é a alcalinidade da piscina basta pensar que a alcalinidade é a grandeza que mede a estabilidade do pH. Pensando desta forma não tem segredos. Se a alcalinidade está baixa, o pH varia demasiadamente, o que, como já vimos, é um grande problema pra nós que queremos o pH sempre na faixa ideal: de 7,2 a 7,6. Com o pH variando demais, faz-se necessário intervir na piscina mais frequentemente adicionando cloro, elevador de pH e outros produtos.

Escala de alcalinidade
No universo das piscinas trabalhamos com a escala de alcalinidade à direita. Vemos que a alcalinidade é ideal entre 100 e 120ppm. Mas porque? Vejamos a importância de se ajustar a alcalinidade da piscina…

Importância da alcalinidade da piscina
Agora que já sabemos exatamente o que é a alcalinidade e como funciona sua escala, vejamos porque é importante controlá-la sempre no tratamento de piscinas. Todos os produtos químicos usados na limpeza de piscinas, como decantadores, cloro e vários outros, tem sua eficácia diretamente relacionada com o controle do pH. Além do mais o crescimento de algas é acelerado quando o pH da piscina está desajustado. Outro motivo para controlar a alcalinidade da piscina é a questão financeira.

Quando a alcalinidade está baixa, gasta-se muito com produtos elevadores de pH pois ele tende a descer com uma frequência bem maior que o normal. Como se não bastasse, as algas também tem seu crescimento favorecido quando a alcalinidade da piscina está baixa. É por isso que algumas vezes o pH da piscina está na faixa ideal, o cloro da piscina também está regulado corretamente e, ainda assim a água da piscina fica com um tom esverdeado: porque com a alcalinidade baixa a eclosão de algas na piscina é extremamente favorecida. Então não dá pra arriscar mesmo!

Como medir a alcalinidade da piscina
como medir a alcalinidade da piscinaA medição da alcalinidade de piscinas é feita com um estojo de testes diferente do estojo de medir pH e cloro. É um kit de testes especialmente desenvolvido para mensurar a alcalinidade da água de piscinas. Ele vem com um recipiente para coletar a água da piscina e dois frascos: um com solução indicadora, utilizada para detectar a alteração do pH da amostra, e um outro frasco com uma solução de acidez conhecida.

Para medir a alcalinidade da piscina basta seguir as instruções contidas no próprio estojo de testes. Não vamos especificar aqui pois cada estojo possui suas próprias instruções que variam de acordo com a concentração de seus reagentes. Depois de medir a alcalinidade da piscina você tem três possíveis resultados: a alcalinidade pode estar no nível certo, pode estar abaixo do ideal ou pode estar acima do ideal.

 

Alcalinidade ideal para a piscina
escala de alcalinidade da piscina

No universo de piscinas a alcalinidade ideal é entre 100 e 120ppm. É desta forma pois, fora desta faixa, a água da piscina comporta-se de forma indevida, com variações constantes de pH ou até mesmo formação de encrustações nas paredes e nos equipamentos que ficam em contato com a água da piscina.

Então pessoal, como vimos, além de controlar o pH da piscina, é importantíssimo manter o controle da alcalinidade da piscina. Não basta ajustar o pH se a alcalinidade anda sem controle.

Mais adiante falaremos a respeito das consequências da alcalinidade baixa e elevada demais na piscina.

Se não quiser se preocupar com o controle da alcalinidade da piscina e outras coisas referentes ao seu tratamento, fale conosco e deixe sua piscina com quem entende do assunto, deixe-a com a Raia 1 Piscinas: a número 1 em tratamento de piscinas em Belo Horizonte.

Fale conosco e deixe sua piscina com a gente!